+ Motores

Rui Nunes estreia novo Semog em Lousada

819visualizações

O resultado menos positivo de Sever já lá vai. Rui Nunes apresenta-se em Lousada com um novo Semog e coloca a fasquia bem alta para a segunda jornada da época do PTRX.

A longa paragem provocada pelo surto pandémico, que já vai em quatro meses desde a prova de Sever, serviu para uma pequena revolução no ataque de Rui Nunes à época de 2020.

Depois dessa 1ª jornada aziaga, o piloto de Montemor-o-Novo e a sua equipa refletiram sobre todos os problemas mecânicos que impediram um melhor início da defesa do seu 2º lugar, brilhantemente conquistado em 2019 e a decisão foi radical.

Em Lousada, o craque alentejano vai estrear um novo Semog, de última geração e apresenta-se ao duelo “muito entusiasmado como esta estreia do meu novo Semog”. Rui Nunes lembra que “nem tudo foi mau em Sever. O nosso andamento foi sempre forte e, sem os problemas mecânicos e os incidentes de corrida na final, o resultado teria sido outro. Sei que tenho velocidade e quem posso estar sempre a lutar pela frente de corrida”.

Ainda para mais, o piloto sente-se em Lousada “muito bem. É uma pista de que gosto muito e onde sou sempre e muito competitivo. Espero adaptar-me rapidamente ao novo Semog e estar na luta por uma posição de largada para a final na pole ou lá perto e, no momento da verdade, dar tudo para vencer!”.

Esta edição do Ralicross de Lousada tem os treinos livres marcados para arrancarem às 14.30 de sábado, 11 de junho, dia em que decorrem ainda as primeiras duas mangas de qualificação.

Para domingo, 12 de julho, estão reservadas as restantes mangas, meias-finais e final, que deverá ocorrer a meio da tarde.

Deixe uma resposta