Artigos recentes

Comentários recentes

Arquivo

Categorias

Meta

RalisVideos

Miguel Carvalho vence 2RM em Tavira e conquista o título no Desafio Kumho Asfalto!

912visualizações

Num final de época “relâmpago”, Miguel Carvalho e António Reis, conquistaram a segunda vitória consecutiva nas lides da Divisão 2 Kumho no Rally de Tavira, protagonizando assim uma espetacular recuperação pontual que os levou ao título no Desafio Kumho Asfalto. Nesta prova algarvia, destaque ainda para a vitória de Nuno Venâncio e Fernando Almeida na Divisão 1 do 5º Desafio Kumho Portugal, ficando ainda no 5º posto da geral da prova.

A edição inaugural do Rally de Tavira, prova candidata a integrar o Campeonato Start Sul de Ralis 2023, foi o palco do cair do pano sobre o 5º Desafio Kumho Portugal, com o evento a contar para os Desafios Kumho Asfalto e Kumho Sul.

A prova tornou-se decisiva para a atribuição do título na Divisão 2 do Desafio Kumho Asfalto, sendo dramática a luta pelo cetro entre duas duplas que rodaram a um nível fabuloso.

Já vencedor do Desafio Kumho Sul na D2, Luís Nascimento e Leonido Madeira apresentaram-se à partida da prova com justificada ambição de “dobrarem a parada” e reclamarem o título no Desafio Kumho Asfalto, estando na segunda posição da tabela pontual, mas sabendo que os líderes não participariam.

Só que, mercê do triunfo em Viana do Castelo, Miguel Carvalho e António Reis ficaram também dentro da janela de acesso à conquista da glória na D2 Kumho e a equipa nortenha apresentou-se à partida do Rally de Tavira, tornando assim a luta ainda mais intensa.

E o duelo foi épico.

A “jogar em casa”, Luís Nascimento e Leonido Madeira impuseram o seu Opel Corsa em cinco das seis classificativas, mas, uma penalização de estrada de 1m10s arruinou as suas justas ambições a um triunfo que parecia praticamente assegurado, caindo para a 2ª posição final na Divisão 2 Kumho, a apenas uns amargos 14,9 segundos dos vencedores, conquistando ainda o 7º lugar na geral e o segundo posto na geral das 2RM.

O infortúnio de Nascimento e Madeira entregou a vitória no rali e no Desafio Kumho Asfalto a Miguel Carvalho e António Reis que, ao longo da prova, secundaram sempre a dupla do Corsa na tabela de tempos, andando muito rápido, mesmo sendo a sua estreia na prova algarvia, assinando mais um rali com musculo e sem erros. Venceram a sexta e última especial, logrando ainda terminar o rali no 6º lugar da geral, sendo os mais fortes nas 2RM.

O pódio final na D2 Kumho em Tavira ficou completo com a presença de Paulo Anselmo e André Silva. Livres de qualquer pressão, pois não estavam na luta pelos títulos, a dupla do BMW 316i Compact privilegiou o espetáculo, andando sempre muito rápido e assegurando um pódio duplo no fecho da temporada, pois também foram terceiros nas contas da geral das 2RM, fechando ainda o Top 10 absoluto do rali.

Filipa Tintim, navegada por Fábio Reis, rubricou uma exibição muito positiva em Tavira. A jovem piloto do Peugeot 208 assinou tempos muito interessantes e que lhe garantiram o 4º lugar final na D2 Kumho, vencendo o duelo familiar que travou com o seu pai Vasco Tintim, 5º classificado na divisão e que tripulou outro 208 da marca francesa, tendo a seu lado Bruno Alambre.

Top 5 na prova e vitória na Divisão 1 Kumho para Nuno Venâncio

Sempre muito rápidos na abordagem à prova, Nuno Venâncio e Fernando Almeida realizaram uma prova muito eficaz, colocando o seu Mitsubishi Lancer EVO VII sempre bem dentro do Top 10, indo paulatinamente subindo na classificação geral até almejarem chegar ao palanque de fecho do rali num excelente 5º lugar da geral.

A dupla logrou ainda terminar a época com uma vitória na Divisão 1 do 5º Desafio Kumho Portugal. Uma referência para Joaquim Salero e Gonçalo Correia. A equipa do BMW 318i estava a realizar um rali muito interessante, mas foram forçados a abandonar na 4ª PEC, correspondente à segunda passagem  por Fonte Salgada, quando rodavam na 2ª posição da divisão.

Deixe uma resposta