Artigos recentes

Comentários recentes

Arquivo

Categorias

Meta

+ Motores

Irmãos Gonçalo e Salvador Amaral de novo juntos no CNTT

433visualizações

Os irmãos Gonçalo e Salvador Amaral, pilotos Wingmotor Honda, vão dar continuidade ao projeto desportivo que teve excelentes resultados em 2022 disputando já no próximo fim de semana a Baja TT Montes Alentejanos que vai percorrer pistas do distrito de Beja, dando assim inicio à temporada 2023 do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno, que terá sete jornadas.  

Filhos do consagrado Rodrigo Amaral, Gonçalo e Salvador têm conseguido ótimos desempenhos:  Gonçalo terminou a época anterior em segundo lugar entre os juniores e no Top 10 da Classe TT2, enquanto o irmão mais velho, Salvador, ocupou durante grande parte da temporada o pódio da classe TT1 que lhe fugiu apenas na derradeira jornada, a mítica Baja Portalegre.

Para este ano, Gonçalo Amaral revela “que a temporada vai ser novamente feita aos comandos de uma Honda 450 e a disputar a classe TT2, mas com mais ambição. Quero lutar pelas primeiras posições. É cedo demais para dizer que quero lutar pelo título. Vamos devagar, mas mais para a frente se verá. Beja é uma corrida que não me tem deixado boas recordações nos últimos dois anos: uma lesão em 2021 e em 2022 alguns contratempos mecânicos, mas estou confiante que a situação se vai reverter. Sem dúvida que vou dar o meu melhor, como sempre”. 

Salvador Amaral refere por seu lado que “esta época vou estar aos comandos de uma CRF 250, novamente na classe TT1. O ano passado fiquei muito próximo do pódio. Este ano terei mais uma ou outra novidade que só depois serão reveladas. Quero entrar com o pé direito, mas sei que a corrida de Beja é normalmente bastante rápida. O meu objetivo é dar o nosso melhor para que seja um ano em grande”. 

A Baja TT Montes Alentejanos terá a sua operacionalidade no Pavilhão Multiusos – Parque de Feiras e Exposições de Beja. A competição arranca na sexta-feira, com o prólogo de 7,26 km. Sábado os pilotos terão pela frente o primeiro setor seletivo (1ª etapa) de 145,50 km que se repetirá no dia de domingo (2ª etapa). No total serão 370 quilómetros dos quais quase 300 serão disputados ao cronómetro.

Deixe uma resposta